VOLTA DO FUTEBOL MINEIRO PREVISTO SOMENTE PARA FINAL DE JUNHO

Escrito por em 04/05/2020

Entidade que comanda o futebol mineiro se baseia nos relatos das autoridades de saúde sobre o pico da pandemia da covid-19 no Estado

A pressão do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, e hesitação dos órgãos de saúde de Minas Gerais em “bancar” uma volta do futebol no Estado, parece ter feito a FMF (Federação Mineira de Futebol) se reposicionar acerca da situação devido à pandemia do novo coronavírus. A entidade disse que bola nos gramados mineiros só em junho, evitando o discurso de que o retorno poderia acontecer em maio.

A FMF e o governo do Estado se encontraram e acertaram a criação de um protocolo de segurança, sem “cravar” uma data para volta das atividades. Porém, era desejo da federação tentar reiniciar o Estadual ainda este mês para cumprir o calendário.

“Ninguém cogita a volta do futebol este mês em Minas Gerais. Em maio, certamente não teremos futebol”, disse Marcelo Aro, presidente da FMF.

O novo pico da de contágio do coronavírus em Minas Gerais foi previsto para o fim de maio, início de junho, o que poderá abrir uma janela de datas já no final do próximo mês.

“O que foi dito, na minha reunião com o governador do estado, foi que em Minas Gerais ainda não chegamos ao pico da doença, e isso está previsto para o início de junho. Então, é extremamente temerário pensar na volta do futebol antes de vivenciar o pico da epidemia. Então, o que nós estamos trabalhando, com uma perspectiva muito otimista, que seja no final de junho para frente”, explicou o dirigente, que citou como será o trabalho com o governo mineiro sobre na elaboração do protocolo de segurança para jogadores e profissionais do esporte.

“Ciente da gravidade do momento, a Federação, enquanto entidade que gere o futebol no estado, precisa estar preparada para quando for possível retomar o futebol em Minas Gerais. É isso que estamos fazendo. A federação, em parceria com o governo do estado, vem trabalhando em um protocolo de segurança para que, a partir do momento que seja possível retomar o futebol, tenhamos um mecanismo que seja seguro para todos os atletas, dirigentes… para pessoas que vivem o dia a dia do futebol possam exercer o seu trabalho com segurança,” disse Aro, que comentou em seguida sobre a intenção de testar os atletas antes que voltem aos trabalhos.

“Quando isso for possível, nossa ideia é ter um protocolo onde haverá testes de todos os jogadores antes da retomada do campeonato, depois fazer testes ao longo das rodadas. O mecanismo que foi, inclusive, preparado pela CBF, e que a Federação já replicou para o governo do estado. Ainda estamos trabalhando nele, tanto que na reunião da quinta-feira ficou decidido que o próximo passo é apresentar o protocolo aos departamentos médicos dos clubes, para que os clubes também possam avaliar se ele é viável ou não”, concluiu.

Foto ilustrativa

Fonte: esportes.r7.com


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]