Vídeo: banda toca em frente a hospitais e emociona pacientes com COVID-19

Escrito por em 01/04/2021

Por: Estado De Minas

Entre os hospitais de Uberaba, a banda da 5ª RPM se apresentou em frente ao Hospital Regional José Alencar, que atende exclusivamente pacientes com a COVID-19
(foto: Sérgio Teixeira)

 

 

banda da 5ª Região de Polícia Militar (RPM), em formato de octeto e mantendo o distanciamento social, se apresentou em frente de hospitais de Uberaba, no final da tarde e na noite dessa quarta-feira (31/3). A missão:

levar alegria aos pacientes internados com COVID-19 e também aos profissionais da linha de frente de combate à doença.

Além disso, a fim de levar um pouco de lazer para a comunidade uberabense neste momento tão difícil da pandemia, os músicos militares tocaram caminhando por praças e ruas da cidade, até o final da noite desta quarta-feira.

Segundo informações da assessoria de imprensa da 5ª RPM, vários pacientes, profissionais da saúde, além de populares, se emocionaram e aplaudiram a ação.

Mantendo o distanciamento, a banda da 5ª RPM se apresentou em frente a hospitais de Uberaba
(foto: Sérgio Teixeira)

A música é fonte inesgotável de inspiração e possui em sua essência a elevada capacidade de abrandar tensões nervosas e harmonizar os ambientes mais tenebrosos, alegrando os corações e as mentes”, considerou o regente da Banda da 5ª RPM, o tenente Neoclides. Ele agradeceu o brilhantismo de seus músicos, que “não mediram esforços em levar um pouco de música aos corações de quem está precisando.

“A atividade desenvolvida pelos nossos músicos é um importante trabalho na aproximação entre a Polícia Militar e a comunidade”, finalizou o tenente da 5ª RPM.

 

Mais de 500 mortes

 

De acordo com o último boletim epidemiológico de Uberaba, divulgado na noite de quarta-feira (31/3), já foram registrados na cidade, desde o início da pandemia, 19.234 casos positivos da COVID-19, sendo que destes, 530 pessoas morreram e 16.217 se recuperaram.

 

Nas últimas 24 horas, 12 pessoas morreram e foram contabilizados 132 novos casos; números considerados altos para o município.

 

Além disso, a taxa de ocupação das UTIs/COVID, tanto de hospitais públicos como privados, continuam perto do limite.

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]