VIDA FORA DA TERRA: Nasa lança missão para Marte

Escrito por em 30/07/2020

Na manhã desta quinta-feira, 30/07, a Agência Espacial Americana (NASA), fez o lançamento da mais nova missão para Marte. Uma sonda que vai procurar sinais de vida em local que já foi um lago há bilhões de anos.

Os cientistas acreditam que Marte tinha, entre 3 e 4 bilhões de anos atrás, um lago onde hoje existe uma cratera. É lá que irá aterrissar a nova missão da agência espacial americana (Nasa), a Mars 2020, para coletar amostras em busca de vida. O local tem sedimentos similares aos encontrados na Terra que podem conter vestígios de outros organismos.

Sobre a Mars 2020

  • A janela de lançamento aconteceu por volta de 8h50 desta quinta-feira (30), horário de Brasília, a partir da Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral, na Flórida;
  • A previsão de aterrissagem em Marte é 18 de fevereiro de 2021;
  • robô Perseverance carrega instrumentos para, além de coletar amostras, observar a geologia e transformar dióxido de carbono em oxigênio para viabilizar uma missão com humanos no planeta.

Cientista brasileiro participa da missão

Daniel Nunes, um astrônomo e físico brasileiro, garantiu os ajustes finais da missão Mars 2020 em casa, de quarentena. O carioca trabalha na Nasa desde 2014 e é responsável pela produção de um radar de penetração do solo do planeta vermelho. Ele disse que tudo é possível com “muito trabalho e dedicação”, mas que é um ambiente “bem competitivo” e “as coisas raramente vêm na primeira vez”.

De acordo com o brasileiro, a Mars 2020 será uma missão de muitas “primeiras vezes”. Será a primeira vez que uma sonda irá investigar a geologia de Marte em solo. Também será a primeira vez que irão converter dióxido de carbono em oxigênio. E a primeira vez que vão até uma cratera com sedimentos em Marte com chance de encontrar vestígios de vida anterior.

Fonte: Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna com informações do Portal G1


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]