Somente em março pacientes de Itaúna faltaram a 500 consultas e exames prejudicando a toda a população

Escrito por em 03/05/2022

Depois de realizar um levantamento interno com seus diferentes setores, a Secretaria Municipal de Saúde detectou que um número significativo de pacientes tem faltado, sem justificativa ou aviso prévio de ausência, às consultas e exames na rede pública local (CEMO Dr. Ovídio Nogueira Machado) e até em clínicas particulares conveniadas onde deveriam realizar tais procedimentos.

O fato tem gerado transtornos diversos, prejuízos financeiros e o atraso no atendimento da própria população, que muitas vezes aguarda com urgência para ser atendida.

Somente em março deste ano foram 500 ausências. No ano passado, foram 4.818 faltas à consultas e procedimentos agendados.

O Secretário Municipal de Saúde, Fernando Meira de Faria, explica que procedimentos realizados em clínicas particulares conveniadas, por exemplo, são pagos somente quando efetivamente realizados. E que as ausências geram prejuízos financeiros para estes lugares, que passam a não aceitar novas solicitações de procedimentos.

Não podemos manter médicos especialistas com horários vagos por razão da simples falta do paciente sem justificativa. Temos grande fila de espera em alguns procedimentos, eventualmente se não for possível ir na data marcada, só avisar com alguma antecedência para fazermos a substituição. Todos somos responsáveis pelo atendimento à saúde de qualidade“, disse o secretário de Saúde.

Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]