Secretário de Saúde de Minas faz apelo por imunização e tranquiliza mães e adolescentes ‘a vacina é segura’

Escrito por em 24/09/2021

Por Jornal Hoje em Dia

O secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, tranquilizou mães e adolescentes mineiros quanto à vacinação contra a Covid-19. Durante coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (23), em Belo Horizonte, o titular da pasta fez um apelo para que o grupo não deixe de tomar o imunizante.

A declaração foi dada um dia após o Ministério da Saúde recuar e voltar a recomendar a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades. Na semana passada, a pasta federal orientou que estados e municípios não realizassem a imunização, mesmo após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dizer que não via razão para mudar as condições aprovadas para a vacina da Pfizer/BioNTech.

“Momento de acalmar as mães e adolescentes. O risco de qualquer efeito colateral da vacina é muito pequeno e, se comparado com a doença, se torna menor ainda. A doença continua sendo muito mais perigosa do que qualquer efeito colateral da vacina”, disse, lembrando, ainda, sobre o caso de evento adverso relacionado ao imunizante.

“Foi esclarecido que aquele óbito em São Paulo não tem a ver com a vacina, então esqueçam esse fato. Isso não aconteceu. A vacina é segura e deve ser dada”, concluiu.


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]