Rastreadores eletrônicos serão instalados nos ônibus do transporte público na próxima semana. Terminal de passageiros ainda sem data para construção

Escrito por em 21/05/2021

Rastreadores eletrônicos nos veículos e um terminal de embarque e desembarque de passageiros na praça José Flávio de Carvalho são as promessas de melhorias no transporte coletivo de Itaúna feitas na Comissão Especial de Análise da Qualidade do Transporte Público. A construção do terminal ainda é uma realidade distante e sem data para acontecer, mas a instalação de rastreadores, de acordo com a empresa Viasul, operadora do serviço de transporte de passageiros em Itaúna, deve acontecer na próxima semana.

Os trabalhos da Comissão Especial de Análise da Qualidade do Transporte Público em Itaúna, que acontece na Câmara de vereadores revelou nesta semana que os ônibus coletivos devem receber rastreadores eletrônicos na próxima semana. Os rastreadores permitem um controle melhor dos veículos e uma previsão mais aproximada do tempo que levarão para chegar ao ponto.

Na tarde da última quarta-feira (19/05) os membros da Comissão Especial, vereadores Silvano Gomes, Nesval Júnior, Gustavo Dornas e Aristides Ribeiro voltaram a se encontrar para dar prosseguimento aos trabalhos. Desta vez, a reunião contou com a presença do advogado e representante da empresa ViaSul Sr. Jardel Carlos Araújo e José Gomes de Souza (Gerente da ViaSul).

Segundo Jardel Araújo, a empresa ViaSul fez uma doação à Administração Municipal de um estudo de mobilidade urbana elaborado pelo Cefet MG, mas, em virtude da pandemia da Covid-19 esse projeto ainda não pôde ser implementado. Estudos elaborados, apontam a instalação do terminal na Praça José Flávio de Carvalho. A construção será de responsabilidade da Prefeitura de Itaúna.

Gustavo Dornas, autor do pedido da instauração da comissão, cobrou do representante da empresa a circulação de mais ônibus nos horários de pico para evitar aglomerações e reforçou o pedido da instalação de rastreadores eletrônicos em todos os veículos da empresa.

Jardel Araújo declarou à comissão que em face da pandemia a empresa estaria passando por problemas financeiros, acumulando mais de 4 milhões de reais (R$ 4.624.783,87) de déficit. Anunciou à comissão, a contratação de uma empresa a qual, implantará um sistema de rastreamento eletrônico já na próxima semana.

Outra informação prestada pelo advogado, foi acerca da dos pontos de recarga dos cartões de Ônibus. A empresa conta com dois vendedores no entorno da praça da matriz e estuda ainda uma parceria com a banca de revistas. A possível vacinação dos motoristas também foi solicitada por Jardel Araújo.

Ônibus que atende ao bairro Veredas, em Itaúna, lotado na manhã desta quinta-feira, 25/03. Foto: Ouvinte Rádio Clube 93,5

Motivo de reclamações constantes e Comissão Especial

O transporte público em Itaúna tem sido motivo de muitas reclamações dos moradores da cidade em relação aos horários, itinerários e, principalmente, superlotação, em plena pandemia do novo Coronavírus. A Comissão Especial de Análise da Qualidade do Transporte Público em Itaúna, foi aberta pelos vereadores a pedido do vereador Gustavo Dornas Barbosa (Patriota) para verificar a qualidade do transporte público na cidade. A comissão começou os trabalhos no início de maio.

Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]