Público tem esta quinta e sexta-feira para garantir ingresso para o espetáculo “A Esperteza do Rato” em Itaúna

Escrito por em 28/10/2021

Depois do sucesso de sua estreia no último sábado, o espetáculo teatral A Esperteza do Rato, do dramaturgo português Rangel Lima,  segue em cartaz no Teatro de Bolso do Ponto de Cultura Casa do Idoso, na Fundação Frederico Ozanan, (rua Maria Lima Coutinho, 93, bairro das Graças). A temporada  em Itaúna será de três finais de semana, com espetáculos sempre aos sábados (20 horas) e domingos (19 horas), com ingressos gratuitos..

O espetáculo tem censura livre e as reservas podem ser feitas sempre às quintas e sextas-feiras, pelo telefone (31) 99782-9320. Por conta da pandemia, o teatro terá lugares limitados e será mantido o distanciamento e o uso de máscaras.

A peça é uma remontagem do primeiro espetáculo teatral encenado em Itaúna em 1877, e faz parte do projeto 140 Anos da História do Teatro em Itaúna. O projeto é baseado em uma ampla pesquisa histórica e documental, que resultou, além da remontagem do espetáculo, em uma exposição aberta ao público no Museu Municipal Francisco Manoel Franco, na Praça da Estação, além da edição de um livro, lançado em Itaúna, no último dia 16 de outubro.

Peça A esperteza do rato. Foto Divulgação/Guto Muniz

A Esperteza do Rato

Farsa em um ato, do dramaturgo português Rangel de Lima (1867). A peça se passa em Lisboa e conta a história de Braz Fernandes, um marinheiro que, tendo ficado viúvo, convida sua irmã Cassimira, também viúva, para morar em sua casa juntamente com a filha Julia. Assim Cassimira poderia cuidar de seu filho Augusto, uma vez que ele sempre saía em longas viagens para o Brasil. 

Júlia e Augusto são apaixonados e os pais consentiam no casamento. Um belo dia, Cassimira recebe mensagem do Brasil, informando da intenção do irmão em casar o filho Augusto com uma brasileira rica. Ficava, assim, cancelado o casamento dos primos. 

Inconformado, o casal enamorado recebe ajuda do criado da casa, que cria uma trama para que Cassimira consinta na união de Júlia e Augusto, antes mesmo do retorno de Braz Fernandes. Isto garantiria que, uma vez casados, Braz não poderia desfazer a união do casal já unido em matrimônio, quando voltasse do Brasil.

A farsa percorre o caminho da “esperteza de rato”, onde cada ação é seguida de resultados catastróficos, criando situações insólitas, com um final feliz.

Ficha técnica: 

Direção: Marco António Lara; Elenco: Léo Tryndade, Gustavo Lopes, Carol Morais, Jerry Magalhães, Regina Glória e Mariara Teles; Figurino: Charles Telles; Cenário: José Lara; Cenotécnico: Márcio Souza; Trilha sonora: Gilbeto Mauro.

SERVIÇO

140  Anos da História do Teatro em Itaúna

Espetáculo: A Esperteza do Rato – espetáculos aos sábados às 20 horas e  aos domingos às 19 horas, no teatro de Bolso do Ponto de Cultura Casa do Idoso, na Fundação Frederico Ozanan, rua Maria Lima Coutinho, 93 , bairro das Graças.

                      Ingressos gratuitos devem ser reservados sempre às quintas e sextas-feiras pelo telefone (31) 99782-9320.

Projeto 140  Anos da História do Teatro em Itaúna

Realização:, Associação Cultural Vânia Campos

Patrocínio: Lei Federal de Incentivo à Cultura, Ferro + e JMN.

Apoio: Prefeitura Municipal de Itaúna e Fundação Maria de Castro

Projeto executado com recursos do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais – Protocolo nº 2018.12.0044/FEC


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]