Polícia Civil integra operação Thunderbolt em repressão ao tráfico de drogas

Escrito por em 01/10/2020

Com o objetivo de combater os crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro, foi deflagrada, nesta quinta-feira (1º/10), a operação Thunderbolt. A ação foi realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), com apoio das polícias Civil, Militar e Penal. Até o momento, 19 pessoas foram presas e 35 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Formiga, Tiros, Belo Horizonte e Ribeirão das Neves.

As investigações, conduzidas pelo Ministério Público, duraram cerca de sete meses e tiveram entre os alvos alunos que vendiam entorpecentes dentro de uma faculdade em Formiga. Após o cumprimento dos mandados judiciais, foram apreendidos 11 celulares, entorpecentes, R$ 2.048 em dinheiro, além de um drone e um simulacro.

O delegado regional de Formiga, Tiago Ludwig, destaca o trabalho realizado. “A operação foi mais uma brilhante ação integrada das forças de segurança, que retira do seio da sociedade três diferentes organizações criminosas ligadas ao tráfico de drogas”.

Foram empenhados na operação 151 policiais que integram as polícias Civil, Militar e Penal, além de uma equipe do Gaeco em Patos de Minas. A ação contou ainda com apoio aéreo da Coordenação Aerotática (CAT) da PCMG.

Foto: PCMG


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]