Minas Gerais registra aumento de abusos contra menores

Escrito por em 11/08/2021

Por Jornal O Tempo

No primeiro semestre deste ano, a média de abusos de menores foi de mais de sete casos por dia – um total de 1.348. No mesmo período do ano passado, a média foi de mais de 6 crimes diários, somando 1.162 situações – aumento de 16%.

Nos 12 meses de 2020, foram 2.668 estupros. Os dados são da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp).

A Polícia Civil acredita que o número de registros de estupro de vulneráveis não corresponde à realidade. Isso porque, com a pandemia, muitas vítimas deixaram de denunciar seus agressores. Aliado a isso, o isolamento reduziu o número de consultas.

“A quarentena reduziu o acesso das crianças aos órgãos da rede de proteção. As crianças que, antes, faziam consultas frequentes no pediatra ou no posto de saúde deixaram de ir”, conta.
De 2019 para 2020 o número de registros reduziu 18,5% – passando de 3.163 ocorrências para 2.668 registros, segundo a Sejusp.

A Polícia Civil informou que a denúncia de casos de abuso é dever de qualquer pessoa. “É dever de toda a sociedade noticiar a suspeita de violência contra uma criança. Quem vai obter as provas é a Polícia Judiciária. O nosso trabalho é investigar se houve um crime ou não. O dever do cidadão é noticiar qualquer suspeita de violência”, disse a delegada Renata Ribeiro.

Como denunciar

Queixas podem ser feitas, de forma anônima, por meio do Disque 100 ou pelo 181.


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]