Exames de mamografia finalmente serão realizados em Itaúna a partir do dia 12/04

Escrito por em 06/04/2021

Uma das reivindicações mais antigas das mulheres de Itaúna finalmente será concretizada. Os exames de mamografia serão realizados na própria cidade, de acordo com divulgação da Prefeitura de Itaúna, a partir do dia 12/04. Até então o exame era feito em Betim, via SUS / i.CISMEP. ou as mulheres deveriam aguardar a vinda de caminhões para realização de mutirões na cidade. A mamografia é um exame essencial para rastreamento e detecção precoce do câncer de mama e deve ser realizado a cada dois anos por todas as mulheres a partir dos 50 anos de idade.

Depois de passar pelos processos de compra, instalação e testagem, a Secretaria Municipal de Saúde informa o início efetivo da oferta de exames pelo mamógrafo municipal. Os procedimentos estarão disponíveis a partir de segunda-feira, 12/04, sendo as marcações intermediadas pelas unidades de saúde (ESF’s) e confirmadas posteriormente pelo Setor de Regulação da própria SMS com data e horário de realização. È necessária a apresentação de requisição médica e cópia de documentação pessoal. A mamografia é oferecida gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e é a melhor forma de descobrir o câncer de mama antes mesmo que seja detectável pelo exame clínico.

O equipamento foi adquirido por meio de emenda parlamentar conseguida pela hoje vice-prefeita de Itaúna, Gláucia Santiago (enquanto ainda era vereadora na legislatura passada), juntamente ao Deputado Federal Lafayette de Andrada, no valor de R$ 400.000,00, que somada à contrapartida do município de R$ 599.990,00 totalizará quase R$ 1 milhão em investimentos. Itaúna já teve mamógrafo no passado, que estragou e tornou-se obsoleto por volta de 2003, obrigando mulheres a se deslocarem para outras cidades em busca deste tipo de atendimento (normalmente em Betim, via SUS / i.CISMEP) ou aguardarem a presença de caminhões para realização de mutirões na cidade.

A mamografia de rastreamento é um exame de rotina, simples, não invasivo, recomendado para mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos de idade, realizada a cada dois anos conforme orientação do Ministério da Saúde. Para mulheres com risco aumentado, pode acontecer fora da faixa etária recomendada, mediante solicitação e justificativa médica. Por meio deste procedimento é possível identificar alterações no tecido mamário, como tumores não palpáveis, microcalcificações e assimetrias, sendo, portanto, o principal meio de obtenção de diagnósticos precoces e aumentando significativamente as chances de cura.

De acordo com o Secretário Municipal de Saúde, Fernando Meira de Faria, “sem dúvidas um ganho imenso para a área da saúde, especialmente do público feminino, que já conta com o Espaço da Mulher, estrutura inovadora que criamos para atendê-las em diferentes demandas. Este equipamento, de última geração, soma-se ao raio-X digital e novos aparelhos de ultrassonografia e densitometria óssea (este em processo de instalação), compondo um moderno Centro de Imagem, localizado no CEMO Dr. Ovídio Nogueira Machado. Nosso tempo de espera por exames deste porte diminuiu muito nos últimos tempos e vamos melhorar ainda mais. A nossa expectativa é realizar cerca de 200 a 250 mamografias mensais”, comenta.

Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]