Divinópolis vacina trabalhadores em saúde até amanhã de acordo com ordem de cadastro na prefeitura

Escrito por em 22/02/2021

Por Estado de Minas

Com pouco mais de 4,1 mil cadastros, 1,3 mil trabalhadores da saúde e de apoio, como recepcionistas de clínicas e seguranças, começaram a ser vacinados contra a COVID-19 em Divinópolis, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais, no sábado (20/2).

Esse é o sexto grupo imunizado desde o início da campanha. Relatando casos de ameaça, a vice-prefeita Janete Aparecida (PSC) pediu à população, na sexta-feira, respeito ao cumprimento das prioridades e disse que o município segue o preconizado pelo Ministério da Saúde.

Os primeiros a serem vacinados foram os profissionais de saúde da linha de frente. Na sequência vieram os idosos que vivem em casas de longa permanência, as pessoas com mais de 18 anos com deficiência institucionalizadas, quem tem 90 anos ou mais e, por fim, os agentes funerários.

Atendendo à norma técnica da Secretaria de Estado de Saúde (SES), 6% da última remessa foi reservado para os trabalhadores que não atuam diretamente com o novo coronavírus, mas desempenham atividades em instituições de saúde.

O vacinômetro divulgado na sexta-feira (19/2) pela Secretaria Municipal de Saúde aponta 8.493 doses aplicadas desde o início da campanha de vacinação. Deste total, 7.276 foram em profissionais da linha de frente, incluindo as 2.883 segundas doses.

Também foram imunizados 550 idosos institucionalizados e 14 pessoas com deficiência. Outros 653 idosos com 90 anos ou mais já foram vacinados. O município não divulgou quantos foram os agentes funerários imunizados.

 

Cada pessoa precisou se inscrever pelo site da prefeitura para garantir uma das doses disponíveis. Os 1,3 mil primeiros inscritos serão vacinados no sistema drive-thru até amanhã (23/2).

Os 2.815 restantes deverão aguardar a convocação da prefeitura, ainda sem data, já que não há doses para mais uma etapa. Cada cadastrado recebeu a informação do dia e horário da imunização. Ao chegar no Centro Administrativo, as pessoas vão passar por uma triagem primária. Os documentos exigidos, como o comprovante de que o profissional está trabalhando, deverão ser apresentados.


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]