Confinamento em Itaúna pode ser prorrogado até o dia 6 de abril. Prefeito Neider comenta sobre fala de Bolsonaro: “estamos pautando nossas ações em evidências científicas”

Escrito por em 25/03/2020

O confinamento em Itaúna deve ser prorrogado até o dia 6 de abril, de acordo com declaração do prefeito Neider Moreira em exclusiva para o jornalismo do Grupo Rádio Clube de Itaúna. O prefeito comentou sobre o pronunciamento do presidente da república Jair Bolsonaro e contrapôs que em Itaúna as atitudes e ações são tomadas baseado em evidências científicas. O prefeito afirmou que as ações tem “o acompanhamento criterioso e opiniões de especialistas que tratam diretamente do assunto, especialmente infectologistas”.

Neider Moreira concorda que se o país ficar parado por muito tempo a economia vai “à bancarrota” mas acredita no “enfrentamento da pandemia com a retomada gradual das atividades econômicas”.

Confinamento prorrogado

Na declaração às rádios Clube FM 93,5 e Conexão FM 106,5 o prefeito Neider Moreira afirmou que o confinamento na cidade, que de acordo com a Portaria número 03/2020 tem duração até a terça-feira, dia 31 de março, deve ser prorrogado até a segunda-feira, dia 06 de abril.

Neider afirmou que Itaúna estará em regime de confinamento até, pelo menos o dia 6 de abril. “No decorrer da semana que vem vamos observar o andamento dos casos, a evolução da pandemia, para tomarmos novas decisões, novas atitudes, novas ações em relação a essa possível retomada a partir do dia 6 de abril”, afirmou o prefeito.

 

Você confere o que disse o prefeito clicando no player acima.

 

O que diz a Portaria 03/2020

De acordo com a portaria 03/2020, devem fechar:

I – casas de shows e espetáculos de qualquer natureza;
II – boates, danceterias, salões de dança;
III – casas de festas e eventos;
IV – feiras, exposições, congressos e seminários;
V – shoppings centers, centros de comércio, lojas e galerias de lojas;
VI – cinemas e teatros;
VII – clubes de serviços (Lions, Rotary, Casa da Amizade, Maçonaria, etc) e de lazer;
VIII – academias, centro de ginástica e estabelecimentos de condicionamento físico;
IX – clínicas de estética e salões de beleza;
X – parques de diversão, parques temáticos e parques municipais;
XI – bares, restaurantes e lanchonetes;
XII – autoescolas; e,
XIII – templos religiosos.

O estabelecimento que descumprir as determinações poderá perder os alvarás de localização e funcionamento. Confira na íntegra a Portaria nº. 03 – 2020 da PMI.

Adaptações

É permitido, de acordo com a portaria assinada pelo Secretário de Saúde, Fernando Meira, e pelo prefeito Neider Moreira, algumas adaptações. Caso tenham estrutura e logística adequadas, os estabelecimentos de alimentação poderão efetuar entrega em domicílio e disponibilizar a retirada no local de alimentos prontos e embalados para consumo fora do estabelecimento, desde que adotadas as medidas estabelecidas pelas autoridades de saúde de prevenção ao contágio e contenção da propagação de infecção viral relativa ao Novo Coronavírus – COVID-19.

Permanecem abertos

A suspensão das atividades não se aplica aos supermercados, padarias, açougues, varejões, farmácias, laboratórios, clínicas, hospitais e demais serviços de saúde, casas lotéricas e estabelecimentos bancários, desde que, ressalva a Prefeitura, sejam adotadas as medidas estabelecidas pelas autoridades de saúde de prevenção ao contágio e contenção da propagação de infecção viral relativa ao Novo Coronavírus – COVID-19, tais como: limitação de acesso aos referidos estabelecimentos de forma a preservar distância mínima de 1 (um) metro entre as pessoas e higienização dos equipamentos de uso coletivo, com disponibilização de álcool gel, sabonetes nos banheiros e toalhas descartáveis.

Possível nova portaria

Em virtude da declaração do prefeito Neider Moreira, existe a possibilidade de uma nova portaria ser publicada ainda esta semana prorrogando o prazo de validade da Portaria 03/2020.

 

Fonte: Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]