Carros que estavam no depósito da Polícia Civil em Itaúna são saqueados em via pública. Conheça os relatos da Polícia Militar e Civil sobre os fatos

Escrito por em 03/08/2022

Nesta terça-feira (2/8), vários carros que estavam recolhidos ao Pátio da Polícia Civil, em Itaúna/MG, foram estacionados na área externa do local, às margens do Rio São João. Como se não bastasse, durante à noite vídeos e áudios divulgados nas redes sociais convocavam as pessoas a irem até o local para “retirar” o que quisessem dos veículos. Numa verdadeira convocação para que os veículos fossem saqueados. Em um dos áudios a que o jornalismo do Grupo Rádio Clube de Itaúna teve acesso um homem dizia que “estava liberado”, que era “só chegar com uma chave para levar tudo”, só não estaria permitido levar, de acordo com os áudios, “a carcaça”.

Confira dois desses áudios:

Confira os vídeos que circularam nas redes sociais:

O departamento de jornalismo do Grupo Rádio Clube de Itaúna entrou em contato com as polícias Militar e Civil lotados em Itaúna para saber o que aconteceu. A Polícia Militar informou que na terça-feira (02/08) um registro de Peculato foi feito pela Polícia Civil e que na manhã desta quarta-feira (03/08) duas prisões foram efetuadas. Nenhuma prisão foi efetuada pela PM na noite de terça-feira.

“No dia 03/08/2022 por volta 08:39 horas, houve acionamento para a PMMG na Av São João, onde os militares prenderam dois indivíduos por furto de 02 triângulos veiculares e 02 quebra sol. Trata-se de um homem de 33 anos e uma mulher de 28 anos. Ambos alegaram que encontraram os objetos na via pública próximos aos veículos, e imaginaram não ter problemas pegá-los”, informou a Polícia Militar.

A Polícia Civil efetuou pronunciamento ao jornalismo do Grupo Rádio Clube de Itaúna:

Assim que acionada, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) compareceu ao local onde os veículos foram abandonados e procedeu com a notificação para que eles fossem retirados da via pública e transferidos para um pátio credenciado em até 24 horas.
A PCMG esclarece que o referido pátio, localizado no município de Itaúna, teve as atividades de remoção, depósito e guarda de veículos suspensas em junho do ano passado em razão de liminar expedida pela Justiça.
O inquérito para apurar suposto crime de peculato praticado pelo proprietário do pátio foi instaurado na Delegacia de Polícia local.

Jornalismo Grupo Rádio clube de Itaúna


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]