Caratinga confirma duas mortes de pacientes com a variante Delta. Cidade já tem transmissão comunitária

Escrito por em 09/09/2021

Por Estado de Minas

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Caratinga informou nesta quarta-feira (8/9) que os dois pacientes contaminados pela variante Delta morreram em decorrência de complicações da COVID-19. A cidade do Vale do Rio Doce tinha sido notificada na última semana sobre a possibilidade desses pacientes terem sido infectados pela variante.

A primeira morte aconteceu no dia 18 de agosto. A vítima, do sexo masculino, tinha 49 anos de idade. A segunda morte foi recente e ocorreu na madrugada de terça-feira (7/9). A vítima também era do sexo masculino e tinha 69 anos de idade. Ambos estiveram internados no CASU – Hospital Irmã Denise, de Caratinga.

 

As notificações sobre a variante Delta em Caratinga foram feitas pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) no dia 30 de agosto. À época, os casos ainda necessitavam de investigação epidemiológica da SMS de Caratinga, o que foi feito.

 

Segundo a secretaria local, os dois casos foram confirmados pelo estudo de probabilidade genética, e evoluíram para a condição de casos graves, que determinaram as mortes dos pacientes.

Transmissão comunitária 

 

Na investigação, os profissionais de vigilância epidemiológica de Caratinga mantiveram contato com familiares dos pacientes para verificar o vínculo epidemiológico deles com possíveis casos de variante Delta.

Nesses contatos, os profissionais foram informados pelos familiares do paciente de 49 anos de idade que ele manteve contato com um parente que esteve em viagem ao estado de São Paulo. Este parente estava com sintomas gripais leves, sem nenhuma complicação.

 

Os familiares do outro paciente, de 69 anos de idade, informaram que ele não havia mantido nenhum contato com paciente positivo ou suspeito de COVID-19 nos 15 dias anteriores ao início dos sintomas, e não fez nenhuma viagem nos últimos 30 dias.

 

Os dois pacientes tiveram o início dos sintomas no dia 9 de agosto, fato que levou os profissionais da SMS de Caratinga a concluir que a variante Delta circula no município desde o início de agosto.

 

O secretário municipal de Saúde de Caratinga, Erick Gonçalves, pediu para as pessoas continuarem a manter o distanciamento social, usar máscaras corretamente (cobrindo a boca e o nariz), higienizar as mãos com água e sabão ou álcool em gel.

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]