Campeonato Mineiro terá time do interior na final e clássico na semi; Cruzeiro jogará taça alternativa, e Villa Nova está rebaixado

Escrito por em 31/07/2020

Tombense termina primeira fase como líder e encara a Caldense; Atlético-MG e América-MG fazem duelo na outra semifinal; Raposa fica no caminho e jogará Troféu Inconfidência

A primeira fase do Campeonato Mineiro 2020 se encerrou na noite desta quarta-feira. Com os seis jogos disputados simultaneamente, os semifinalistas foram conhecidos, bem como os rebaixados e as equipes que irão disputar o inédito Troféu Inconfidência. Atlético-MG e América-MG venceram e irão se enfrentar na semi. O Cruzeiro também saiu vitorioso contra a Caldense, mas fica pelo caminho, em quinto. A Veterana fecha o G-4 liderado pelo Tombense. Ambos se encaram e garantem que o Estadual tenha um representante do interior na final.

A competição retornou no fim de semana passado, após quase cinco meses de paralisação. O América-MG perdeu a liderança ao empatar com o Atlético e o Tombense provou ser o melhor time da fase de classificação, vencendo o Uberlândia em casa e indo a 26 pontos em 11 jogos.

O Coelho venceu a URT – 3 a 0 – e ficou e segundo lugar. Terá a vantagem de jogar por dois empates – ou derrota e vitória com o mesmo saldo de gols – para eliminar o Galo. O Atlético goleou o Patrocinense e também está classificado.

O clássico entre alvinegros e alviverdes será no domingo, no Mineirão (mando do Atlético) e depois na quarta-feira que vem, no Independência. O vencedor irá encarar quem passar do duelo Caldense x Tombense, com a equipe de Tombos tendo as vantagens na semifinal e, em caso de classificação, também na finalíssima, com datas ainda a serem definidas pela FMF.

Em Poços de Caldas, o Cruzeiro derrotou a Caldense por 1 a 0, igualou os 20 pontos do adversário, mas precisava marcar mais duas vezes para passar pelo saldo de gols. Ficou pelo caminho e irá jogar o Troféu Inconfidência nas mesmas datas das semifinais. Encara o Patrocinense (oitavo lugar) e, se vencer (é jogo único, com mando da Raposa), duela com o vencedor de Uberlândia x Boa Esporte.

Rebaixamento

Outro jogo emocionante da última rodada foi em Nova Lima. O Villa Nova e o Coimbra duelaram para escapar do rebaixamento. Melhor para o caçula. E a tradicional equipe alvirrubra irá disputar o Módulo II, saindo da elite do Mineiro pela primeira vez desde 1996.

O Villa tomou a virada para o Coimbra e caiu junto ao Tupynambás, que só cumpriu tabela na última rodada ao ser derrotado pelo Boa. Os dois clubes que terminam na lanterna haviam sido contra o retorno do Campeonato Mineiro, e entraram com ação no TJD-MG para impugnar a volta. Nada feito. Por outro lado, o Tribunal ainda irá analisar pedido de anulação do descenso.

 

Fonte: Globo Esportes

 

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]