Beerjuice lança segundo EP autoral em inglês “Fake Fairy Tale(s)”

Escrito por em 25/09/2020

Após o lançamento bem-sucedido do primeiro EP autoral, em 2018, a banda mineira Beerjuice tem novidade! Trata-se do álbum “Fake Fairy Tale(s)” (falsos contos de fadas em português), que dá continuidade à linha conceitual, marcada pela sonoridade forte do grunge, stoner e classic rock. O novo EP já está em todas as plataformas digitais.

Em relação ao processo de composição, “Fake Fairy Tale(s)”, foi gravado com tecnologia 100% analógica em novembro do ano passado, no ForestLab Studio, em Petrópolis (RJ), O álbum traz quatro faixas inéditas, compostas conjuntamente pelos quatro integrantes do grupo; Luciano Fernandes (vocal), Gui Neves(guitarra), Matheus Antúrio (baixo) e Luiz Guilherme (bateria).

Destaque para a canção “Fake Fairy Tale”, faixa-título que abre o EP e cujo videoclipe já está disponível no canal oficial do Beerjuice no YouTube. A segunda faixa do EP é “Days That Look Gray”, seguida por “Snakes and Pearls” e “Goodbye Yesterday”.

Capa do álbum Fake Fair Tales

“Um fato interessante sobre esse trabalho é que houve uma correlação entre as músicas, de forma espontânea. As letras têm um teor forte e dramático. Mas, apesar dos desafios descritos, a superação é mensagem principal. E essa temática foi trabalhada de forma despretensiosa. A última faixa, por exemplo, faz conexão com a primeira, mostrando que a pessoa que vivenciou um conto de fadas falso pode recomeçar a vida. Deixar o passado e seguir em frente”, diz o vocalista Luciano Fernandes.

Diferentemente do primeiro EP, “Fake Fairy Tale(s)” apresenta uma sonoridade mais “coesa e madura”, segundo Fernandes. “È um EP animado, alto-astral e dançante, com pegadas de pós-grunge. Na verdade, ele foi muito bem planejado. Ensaiamos por quase um ano. Em meio ao grande desafio, estamos felizes com o resultado.” Confira abaixo a música “Fake Fairy Tale”, faixa-título que abre o EP:

Sobre o Beerjuice

Criado em 2013, o Beerjuice tem se destacado no cenário musical. Já de início foi considerada uma das melhores bandas covers de rock internacional dos anos 90, com participação ativa em festivais e apresentações em casas de shows.

O grande avanço na carreira ocorreu em 2018, quando passou por um processo de transição, do cover para o autoral. No mesmo ano o quarteto lançou o primeiro EP, que leva o mesmo nome do grupo, com cinco canções próprias em inglês: “River to the sea”, “Wondering”, “Who”, “Across the ocean” e “Wondering again”.

Crédito da foto: Ponto de Partida Marketing

Curiosidade

A escolha do nome da banda não foi fácil. Muitas foram as tentativas, pois os integrantes queriam agregar palavras relacionadas à cultura pop, rock e cerveja. Foi, então, que surgiu “Beerjuice”, inspiração retirada de um episódio do extinto programa “Os Trapalhões” em que o personagem Mussum utilizava a expressão “suco de cevadiss” ao saborear uma cerveja gelada. E sem pretensão, o nome acabou soando como um trocadilho ao personagem “Beetlejuice” (Besouro Suco), criado pelo cineasta norte-americano Tim Burton.

Do processo de maturação do nome e da consolidação no cenário musical, a banda passou por outra etapa, o ingresso no mercado cervejeiro. Em 2019, foi lançada a Beerjuice Drunk IPA, cerveja artesanal feita em parceria com a Cervejaria Audaz.

Original, diferenciada e com estilo da banda, a bebida turbinada com alto teor  alcoólico (6,5%) e IBU (International Bitterness Unitis) 60. É encorpada e pesada como o som da Beerjuice. Outra característica é a coloração dourada vibrante, que simboliza as apresentações nos palcos com muita energia. A cerveja, que caiu no gosto do público e que está no segundo lote, pode ser encomendada por meio das redes sociais da banda.

Acompanhe o trabalho do Beerjuice no YoutubeFacebookInstagram e e site.

Texto de Ivana Andrade

Foto de capa: divulgação da Beerjuice

Foto do corpo do texto: crédito Ponto de Partida Marketing

 


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]