100 MORTES: Mais duas pessoas morrem de Covid em Itaúna. Ambas com menos de 60 anos, uma sem doenças prévias

Escrito por em 30/03/2021

Mais duas pessoas tiveram a morte confirmada por exames tendo como causa a infecção pelo novo Coronavírus, nesta terça-feira, 30/03, em Itaúna. Ambas tinha menos de 60 anos de idade e uma delas não tinha histórico de doenças prévias. Com mais estes dois óbitos, Itaúna atinge a marca de 100 mortes causadas por Covid-19 pouco mais de um ano desde que o primeiro caso foi confirmado na cidade.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, e com o hospital Manoel Gonçalves, os dois pacientes tiveram testagem positiva para o novo Coronavírus confirmada nesta terça-feira, 30/03.  Uma das mortes aconteceu no dia de ontem, segunda-feira, 29/03, de paciente do sexo masculino, 53 anos, com histórico de doenças crônicas prévias. O outro óbito foi registrado hoje, terça-feira, 30/03, de paciente do sexo masculino, 40 anos, sem histórico de doenças crônicas prévias.

Final de semana de cinco mortes

O final de semana dos dias 27 e 28 de março foi o pior de Itaúna desde o início da pandemia com o registro de cinco mortes, sendo que três delas foram de pacientes que não tinham doenças prévias, um deles de apenas 34 anos de idade.

As mortes foram divulgadas pela prefeitura de Itaúna juntamente com o Hospital Manoel Gonçalves. No sábado foram quatro mortes sendo três delas de mulheres com idades de 78, 88 e 77 anos. Destas duas, a de 77 e a de 88 anos, não tinham doenças prévias, de acordo com o HMG. Também foi registrada no sábado a morte de um homem de 34 anos de idade sem doenças crônicas prévias, conforme informação do Hospital Manoel Gonçalves.

No domingo, 28/03, foi registrada a morte de uma mulher, de 65 anos de idade, com doenças crônicas prévias.

HMG com oito óbitos

O final de semana foi de oito mortes causadas por Covid-19 no Hospital Manoel Gonçalves (HMG). Além dos cinco pacientes itaunenses que morreram, três deles sem doenças prévias sendo um deles de apenas 34 anos de idade, o HMG registrou também a morte de mais três pacientes de outros municípios.

O Hospital, de acordo com o boletim divulgado no final da tarde dessa segunda-feira, 29/03, tem 53 pacientes internados no setor de Covid, sendo 11 no CTI e 42 na enfermaria.

O boletim da prefeitura de Itaúna registrou 111 novos casos da doença confirmados por exames na cidade, nesta segunda-feira, 29/03.

Nossa solidariedade

O Grupo Rádio Clube de Itaúna se solidariza com as 100 famílias que perderam seus entes queridos nesta pandemia. Sabemos que não são apenas números, são vidas, são pessoas queridas e que fazem falta a alguém. Cem famílias em luto, cem pessoas que deixam saudades, cem histórias interrompidas. Nossos sentimentos a todos os itaunenses que perderam amigos, familiares, colegas de trabalho…

Nota da prefeitura de Itaúna

No início da tarde desta terça-feira a prefeitura de Itaúna publicou uma nota de solidariedade às famílias dos 100 mortos pela Covid no município. De acordo com as informações da nota, Itaúna em apenas três meses registrou 54 dos 100 óbitos causados pela doença. Apenas nos últimos cinco dias foram sete mortes por Covid-19 na cidade.

Confira a nota na íntegra:

Em 2020 o mundo viveu o que não vivia a mais de 100 anos. Uma pandemia. O Coronavírus se espalhou pelo mundo trazendo medo, problemas econômicos, sociais, dividindo amizades, polarizando ideias e, sobretudo, nos tirando vidas. Pessoas queridas que nos deixaram sem poder dizer um “adeus” com o carinho que nossos entes mereciam. Em Itaúna, no ano passado, 46 pessoas nos deixaram e mais de 3.400 pessoas foram contaminadas.

O Brasil vive o pior momento da pandemia. Em Itaúna não é diferente. Somente nos três primeiros meses do ano mais de 3.200 pessoas foram contaminadas e 54 pessoas perderam a vida. Chegamos infelizmente assim, nesse dia 30 de março de 2021, a um total de 100 itaunenses que perderam a luta para a COVID-19.

Momento extremamente complicado que requer, mais do que nunca, união sem estarmos fisicamente unidos. Continue fazendo a sua parte. Siga as recomendações básicas do uso correto de máscara, higienização constante de mãos e distanciamento social. Esse é o único método cientificamente comprovado para se evitar a doença até que todos sejam vacinados.

Nossa solidariedade e respeito a todas as famílias enlutadas.

Jornalismo Grupo Rádio Clube de Itaúna

Leia mais:


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]